Câmara faz homenagem a 26 negros e a idealizador da medalha ‘Zumbi’ em Taboão

Câmara faz homenagem a 26 negros e a idealizador da medalha ‘Zumbi’ em Taboão

ADILSON OLIVEIRA
Especial para o VERBO ONLINE, em Taboão da Serra

A Câmara de Taboão da Serra realizou no sábado (25) a entrega da medalha “Zumbi dos Palmares” a negros que atuam pela valorização da cultura afrodescendente e pelo fim do racismo. A cerimônia foi marcada pela exaltação à luta contra a discriminação e ao trabalho de excelência dos agraciados e por troca de afagos entre vereadores e a Coordenadoria Especial de Promoção da Igualdade Racial (Cepir) após mal-estar diante da “oficialização” da honraria.

Coordenador da Cepir (órgão da prefeitura), Sousa Santos, exibe placa de voto de louvor

Coordenador da Cepir (órgão da prefeitura), Sousa Santos, exibe voto de louvor pela idealização da medalha

Com cada um dos 13 vereadores com indicação de duas personalidades, a sessão solene teve 26 homenageados, na quinta edição da medalha que leva o nome do ícone negro da resistência à escravidão no século 17, mas a primeira homenagem prestada pela Câmara Municipal. Antes da “oficialização”, o ato de reconhecimento era feito pela Cepir. No dia 3 de outubro, o parlamento taboanense aprovou decreto legislativo (lei interna) para passar a conceder a medalha.

O vereador Eduardo Nóbrega (PSDB) enalteceu a entrega da medalha pela Câmara como “ação afirmativa” e citou como exemplos de lutadoras pela redução das desigualdades as cidadãs que indicou, Heloisa Barbosa e Rose Dorea. “Como quase todos aqui, Heloisa é filha de pedreiro e empregada doméstica. A diferença é que ao ter a única oportunidade da vida se formou pedagoga, se tornou dona de uma escola, é empresária. Ela é uma sobrevivente do racismo”, afirmou.

O vereador Ronaldo Onishi (SD) escolheu entre as agraciadas a advogada Maria Célia Mello e levou o público a ficar de pé ao relatar que a indicada sofreu humilhação, aos 18 anos, quando a fábrica em que trabalhava só permitia a ida de uma operária por vez ao banheiro. “Ela disse: ‘Eu não aceito mais ser tratada dessa forma’. Após trabalhar no Palácio dos Bandeirantes, ela entrou via concurso no Tribunal de Justiça e encerrou a carreira na Comarca de Taboão”, louvou.

Presidente da Comissão da Igualdade Racial da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Taboão, Maria Célia disse receber a honraria como um estímulo para seguir na militância pela causa tão urgente ainda nos dias atuais no país. “É uma homenagem inesquecível, me sinto muito honrada, valeu a pena em todos os sentidos [a trajetória pessoal]. É um incentivo para que eu nunca desista e continue essa luta pela igualdade racial”, declarou Maria Célia, 70, ao VERBO.

Não só cidadãos de Taboão mereceram ser homenageados, como demonstrou a vereadora Rita da Saúde (PSDB) ao se referir a uma das pessoas que indicou, que mora em Embu das Artes, mas que atende aos taboanenses como servidora da saúde municipal. “A maior parte do tempo dela é na nossa cidade”, disse Rita sobre Elis Sibere Monte Trindade de Souza, nora da célebre artista plástica Raquel Trindade – uma das primeiras agraciadas na história da medalha.

A presidente Joice Silva (PTB) lembrou que o Brasil foi o último país a cessar a escravatura e ainda não “alcançamos a abolição do racismo”, e que o quilombo de Zumbi acolhia “também brancos refugiados, dando uma grande lição de que somos iguais”. Ela disse ser negra “legítima”. “Ser mulher não é fácil no nosso país. Ser mulher e negra, é muito mais difícil. Posso dizer isso. Enfrentei preconceito. Filha de mãe branca e pai negro, sou negra, não sou moreninha”, disse.

Ao contrário da sessão quase dois meses atrás que causou polêmica, quando uma emenda ao projeto de decreto legislativo para que a Cepir também indicasse pessoas para serem homenageadas na entrega da medalha a ser assumida pela Câmara não vingou e desagradou o coordenador da Cepir, vereadores e Antonio Sousa Santos afinaram discursos e fizeram elogios mútuos em público para garantir o clima de celebração da cerimônia da honraria.

“[A entrega da medalha passa a ser] com projeto de lei em forma de sessão solene oficial da Câmara de Taboão da Serra, mas sempre em parceria com a grande Cepir”, disse Joice. “A gente chega à quinta edição da medalha ‘Zumbi dos Palmares’ […]. O decreto legislativo dos 13 vereadores referendou a coordenadoria como órgão importante que dá voz à população negra”, disse Sousa Santos, que ganhou uma placa de voto de louvor pela idealização da homenagem.

VEJA HOMENAGEADOS QUE RECEBERAM A MEDALHA ‘ZUMBI DOS PALMARES’ E VEREADORES QUE INDICARAM
Binho da Saúde / Fernando Aparecido de Freitas – Alex Bodinho (PPS)
José Carlos de Oliveira / Vagner Nunes Ferreira da Cruz – André da Sorriso (PSDB) (faltou por motivo de saúde)
Rose Dorea / Heloísa Helena Barbosa – Eduardo Nóbrega (PSDB)
Juraci da Silva Leite / Franciléia Francisca dos Santos – Carlinhos do Leme (PSDB)
Lizete Maria da Costa Marques / Danielen da Silva Rangel – Érica Franquini (PSDB)
José Roberto da Silva / Luiz Fernando de Jesus – Johnatan Noventa (PTB)
Edson Antônio da Silva / Divana Lopes da Rocha Ferreira – Joice Silva (PTB)
Sidney Batista de Lima / Eduardo Alves – Cido (DEM)
Edvaldo Gonçalves dos Santos / Marisa Caetano da Silva Reis – Marcos Paulo (PPS)
Sérgio Eloy / Raimunda Cecília de Souza – Priscila Sampaio (PRB)
Elis Silvestre dos Santos Monte Trindade de Souza / Rachel D’Oya – Rita de Cássia (PSDB)
Tula Pilar Ferreira / Dra. Maria Célia Benedito Mello – Ronaldo Onishi (SDD)
Tomé Alves Mendonça Sobrinho / Josinéia do Nascimento Machado – Professor Moreira (PSD)

Alex Bodinho (PPS) com os homenageados Binho

Vereador Alex Bodinho (de vinho, do PPS), que homenageou Binho da Saúde e Fernando Aparecido de Freitas

Vereador Moreira (PSD)

Vereador Moreira (PSD), que agraciou Josinéia do Nascimento Machado e Tomé Alves Mendonça Sobrinho

Vereador Eduardo Nóbrega (PSDB) entre as homenageadas

Vereador Eduardo Nóbrega (PSDB), que manifestou reconhecimento a Rose Dorea e Heloísa Helena Barbosa

Vereador Ronaldo Onishi (SD) ao lado das homenageadas Tula

Vereador Ronaldo Onishi (SD), que homenageou as indicadas Tula Pilar Ferreira e Maria Célia Benedito Mello

Vereador Carlinhos do Leme (PSDB)

Vereador Carlinhos do Leme (PSDB), que homenageou Juraci da Silva Leite e Franciléia Francisca dos Santos

Vereadora Rita da Saúde

Vereadora Rita da Saúde (PSDB), que prestou reconhecimento a Elis Monte Trindade de Souza e Rachel D’Oya

Medalha Érica Franquini (PSDB), que homenageou

Vereadora Érica Franquini (PSDB), que homenageou Lizete Maria da Costa Marques e Danielen Silva Rangel

Vereador Johnatan Noventa (PTB)

Vereador Johnatan Noventa (PTB), que prestou homenagem a Luiz Fernando de Jesus e José Roberto da Silva

Vereadora Priscila Sampaio (PRB)

Vereadora Priscila Sampaio (PRB) entrega medalha ‘Zumbi’ para Raimunda Cecília de Souza e Sérgio Eloy

Vereador Marcos Paulo (PPS)

Vereador Marcos Paulo (PPS), que homenageou Marisa Caetano da Silva Reis e Edvaldo Gonçalves dos Santos

Presidente Joice Silva (PTB)

Presidente Joice Silva (PTB), que fez homenagem a Edson Antônio da Silva e Divana Lopes da Rocha Ferreira

Vereador Cido (DEM)

Vereador Cido (DEM), último a entregar medalha, homenageou Eduardo Alves e Sidney Batista de Lima (dir.)

> Compartilhe pela fanpage do VERBO ONLINE